Ovários Policísticos e Endometriose: Quais são seus sintomas??

Oláaaaaa Amadas!!!!
Tudo bem com vocês????


Hoje venho trazer a continuação sobre as doenças que afligem as mulheres
Como cristãs devemos cuidar de nossa vida espiritual, mas não podemos deixar de cuidar de nossa saúde física também. Pois o corpo da mulher se transforma durante toda sua vida, quando chega na puberdade, quando se casa e tem filhos e quando chega a menopausa, e por isso devemos estar atentas com tudo que ocorre em nosso corpo.

Vamos lá?



  • Síndrome de ovários policísticos: é a existência de um ou vários cistos nos ovários, 

Porque aparecem: Os fatores que levam ao desenvolvimento da síndrome não são totalmente conhecidos, mas ela tem origem genética, em parte, pois irmãs ou filhas de uma mulher portadora do distúrbio tem 50% de chance de desenvolvê-la. Tudo indica que sua origem está associada com a produção da insulina em excesso pelo organismo. O aumento da quantidade dessa substância no sangue (a hiperinsulinemia) provocaria o desequilíbrio hormonal. É associado a obesidade e ausência de menstruação.

Diagnóstico: O diagnóstico é feito através de ultrassom e exames laboratoriais.
Tratamentos: Os médicos fazem o tratamento com anticoncepcionais para regular a menstruação, A utilização desses anticoncepcionais como pílulas, anéis vaginais, implantes protegem os ovários contra a formação dos microcistos e diminuem os níveis de hormônios masculinos e de insulina. Mulheres que planejam engravidar também devem utilizar anticoncepcionais hormonais, em um primeiro momento do tratamento, para regularizar a menstruação.
Essas pacientes devem ser orientadas em relação à dieta e atividade física, concomitantemente com as medidas terapêuticas.



  • Endometriose: É uma doença estimulada pelo hormônio estrogênio que afeta cerca de 5 a 10% das mulheres e se caracteriza pelo aumento do endométrio, que é o tecido que reveste as paredes internas do útero. Com isso ele se espalha pelos ovários, trompas, intestino e bexiga. causando dores e a infertilidade.
Sintomas: 
• Cólicas menstruais intensas e dor durante a menstruação;
• Dor pré-menstrual;
• Dor durante as relações sexuais;
• Dor difusa ou crônica na região pélvica;
• Fadiga crônica e exaustão;
• Sangramento menstrual intenso ou irregular;
• Alterações intestinais ou urinárias durante a menstruação;
• Dificuldade para engravidar e infertilidade.


O diagnóstico: de suspeita da endometriose é feito por meio de exame físico, ultrassom (ultrassonografia) endovaginal especializado, exame ginecológico, dosagem de marcadores e outros exames de laboratório.

Tratamento cirúrgico: Nesse procedimento, a endometriose é removida por meio de uma cirurgia chamada laparoscopia. Em alguns casos, é possível eliminar apenas os focos da doença ou as complicações que ela traz – como cistos, por exemplo. No entanto, em situações mais sérias, o procedimento precisará até remover os órgãos pélvicos afetados pela enfermidade. Dependendo das condições da doença, é possível recorrer a tratamento por laparoscopia, com laser.
Também é possível a realização da videolaparoscopia, na qual diagnosticará o número de lesões, aderências, a obstrução tubária e já tratar a doença.
Tratamento com medicamentos: Existem diversos medicamentos disponíveis no mercado para tratar a endometriose, como: analgésicos, anti-inflamatórios, análogos de GNHR, Danazol e Dienogeste. Atualmente também é possível reduzir os sintomas utilizando o DIU com levonorgestrel.


fontes: http://www.gineco.com.br/    livro A saúde da Mulher (por médico ginecologista e obstetra Dr. José Bento)
Bom então é isso meninas, fiquem sempre atentas ao sintomas e procure seu ginecologista...



Bjinhus e até a próxima.

2 comentários:

  1. otima resenha e dificil ver resenhas assim e tao importante

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Blog mulher fashioon Oficcial
    assuntos sobr a saúde são de grande utilidade
    Bjinhus

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário aqui...

Versículo do Dia

"Peçam, e será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta será aberta. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e àquele que bate, a porta será aberta. Mateus 7:7-8
© Claudirene Rocha - 2016-2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo